Conhecimento

Menina de 12 anos cria robô que recolhe plástico da água

Quando o assunto é poluição, um dos maiores problemas é o acúmulo de lixo, inclusive nos oceanos. Estima-se que, anualmente, uma quantidade de 8 toneladas de plástico é descartada nos mares.

 

Aos 12 anos de idade, Anna Du, estudante do sul de Boston, resolveu mudar esse cenário, diminuindo a quantidade de plástico que existe nos oceanos. Foi então que ela iniciou seu projeto revolucionário: um veículo operado por controle remoto, capaz de navegar e apontar a existência de pedaços de plástico existentes na água. Este robô usa uma combinação de sistema de detecção (com uma câmera infravermelha de alta resolução) e de navegação (usando hélices, pesos e espumas).

 

Toda essa inspiração é resultado de incentivo de seus pais que sempre a levaram para eventos públicos do MIT, fazendo-a entrar em contato com esses profissionais. Du afirma que futuramente pretende se tornar uma engenheira: “quero ajudar o mundo a solucionar problemas construindo coisas, mas não sei que tipo de engenheira serei”.

 

Assim como Anna, deixe que o amor pelo planeta tome conte de suas ações e faça parte de uma geração antenada com a tecnologia, educação e sustentabilidade. Faça parte da geração Greenker!

 

#GoGreenk #MovimentoGreenk #Sustentabilidade #Robos #Tecnologia #InteligenciaArtificial #PraCegoVer menina em cima de um pequeno bote, olhando para seu projeto de robô mergulhando na água para detectar algum vestígio de plástico.

 

Posts Relacionados
MOVIMENTO GREENK PARTICIPA DO PROGRAMA SÃO PAULO SUSTENTÁVEl
Chat é o canal mais eficiente na comunicação entre marcas e consumidores
Spinneroo, conecta com Bluetooth e tem alto-falante.

Comente

“Greenk informa que não modera e tampouco apaga comentários, seja no site ou nos perfis de redes sociais. No site, quando o usuário ler a indicação Este comentário foi apagado’ significa que o próprio comentarista deletou o comentário postado. Não faz parte da política de Greenk gerenciar comentários, seja para interagir, moderar ou apagar eventuais postagens do leitor. Exceções serão aplicadas a comentários que contenham palavrões e ofensas pessoais. O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal do cadastrado.”