Tecnologia

Co-fundador do Wikipedia vai lançar site de notícias para combater notícias falsas

O Co-fundador do Wikipedia, Jimmy Wales, está lançando um projeto chamado Wikitribune, um site de notícias para combater notícias falsas. Em uma época que a informação é facilmente adulterada e disseminada, o site tratará jornalistas e uma comunidade de leitores engajados para produzir matérias e checar a veracidade dos fatos.

O Wikitribune não deve ser um simples site de notícias, pois trará diferenciais como as fontes facilmente acessíveis, assim como os as entrevistas na íntegra, sejam em áudio ou texto. Para manter o projeto no ar, um financiamento coletivo será aberto. Os leitores também poderão assinar um plano mensal de US$15, assim terão a possibilidade de sugerir pautas, sejam temáticas ou até coberturas e reportagens.

A parte econômica é só um dos empecilhos, a divulgação é outra. Com o Facebook incentivando os hábitos de notícias sensacionalistas e clickbaits, um veículo que preza pela neutralidade e coesão dos textos pode ter dificuldades para atingir os usuários. Segundo Wales, a qualidade fará com que os próprios usuários divulguem as notícias, sendo parte primordial desse processo. O Wikitribune irá começar na língua inglesa, mas deve se expandir em pouco tempo.

Fonte: B9

Posts Relacionados
Homem-Aranha: De Volta ao Lar ganha novas imagens e capa de revista ilustrada por Alan Davis
Impressora 3D Vulcan constrói casa em menos de 24 horas por R$ 13 mil
O adeus definitivo ao Orkut já tem data para acontecer

Comente

“Greenk informa que não modera e tampouco apaga comentários, seja no site ou nos perfis de redes sociais. No site, quando o usuário ler a indicação Este comentário foi apagado’ significa que o próprio comentarista deletou o comentário postado. Não faz parte da política de Greenk gerenciar comentários, seja para interagir, moderar ou apagar eventuais postagens do leitor. Exceções serão aplicadas a comentários que contenham palavrões e ofensas pessoais. O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal do cadastrado.”