Greenk Redação
3 de maio de 2017 - 15h00

A Activision anunciou, na última terça-feira (2), os detalhes do Call of Duty World League Championship 2017, o campeonato mundial e oficial da franquia. Neste ano, a competição seguirá entre os dias 9 a 13 de agosto para Orlando, nos Estados Unidos, e contará com uma premiação total de US$ 1,5 milhão (equivalente a R$ 4,7 milhões).

 

 

 

 

Ao todo, serão 32 times classificados para o evento. Seis equipes, no entanto, já garantiram sua vaga por conta das ligas profissionais pelo mundo, sendo elas: Team EnVyUs, Splyce, Mindfreak, Evil Geniuses, FaZe Clan e Rise Nation.

 

 

Assim como no ano passado, nenhuma vaga está prevista diretamente para o cenário brasileiro. Atualmente, as ligas que concedem classificação ao evento são a dos Estados Unidos, Europa e Oceania. A única competição ativa no Brasil é a BSOG Pro League, mas que não concede vagas diretas ao Mundial.

 
A última participação brasileira no Call of Duty World League Championship foi em 2015 com a SSOF Gaming, que não passou na fase de grupos e terminou a competição com três derrotas.

 

 

Vale lembrar também que como o lançamento de Call of Duty: WWII focará na campanha singleplayer, o game oficial em disputa ainda será Call of Duty: Infinite Warfare.

 

 

 

 

 

Fonte: Omelete

Compartilhe

  • Temas

  • games
  • sustentabilidade
  • economia circular
  • e-lixo
  • esl
  • e-sport
  • drones
  • drone zone
  • cosplay
  • cosplaybr
  • mirante lab
  • arena do conhecimento
  • editora abril
  • palestra
  • influenciadores
  • youtube
  • greenktechshow
  • bienaldoibirapuera
  • musica
  • video
  • hit
  • desafio
  • beyou
  • terror
  • Cineclick
  • O Iluminado
  • A Autópsia
  • Os Outros
  • Silent Hill

Comente

“Greenk informa que não modera e tampouco apaga comentários, seja no site ou nos perfis de redes sociais. No site, quando o usuário ler a indicação Este comentário foi apagado’ significa que o próprio comentarista deletou o comentário postado. Não faz parte da política de Greenk gerenciar comentários, seja para interagir, moderar ou apagar eventuais postagens do leitor. Exceções serão aplicadas a comentários que contenham palavrões e ofensas pessoais. O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal do cadastrado.”