Greenk Redação
24 de abril de 2017 - 15h08

Foto: Reuters

 

 

APLICATIVOS

O primeiro passo é descobrir quais aplicativos consomem mais dados. Nos celulares com sistema operacional Android, basta ir em configurações e selecionar a opção “Uso de dados”. Lá, existem gráficos que mostram o quanto já foi consumido, além de detalhes sobre o uso de dados de cada aplicativo. Já no sistema iOS, é necessário ir em “Ajustes” e depois clicar na aba “Celular”, em que são mostrados o total de dados já usados e a quantidade usada para cada app.

MULTITAREFA

Caso o usuário perceba um uso de dados muito alto por determinado aplicativo, existem opções para restringir o uso de dados em segundo plano somente para Wi-Fi. No Android, é só clicar no nome do aplicativo na aba “Uso de dados” e selecionar a opção “Restringir dados em segundo plano”. No iOS, basta desativar o botão ao lado do nome dos aplicativos na aba “Atualização em segundo plano”, dentro de “Geral”.

NAVEGADOR

Caso você navegue muito em sites pelo celular, reduza o consumo de dados do seu navegador. Os navegadores Chrome e o Opera possuem opções que comprimem os dados antes de mandar para o seu celular, o que ajuda a reduzir o uso da sua franquia de dados. No Chrome, vá na opção “Configurações”, clique em “Largura de banda” e ative a “Economia de dados”. Já no Opera, abra o menu e ative a opção “Modo off-road”.

APLICATIVOS DE STREAMING

Se está preocupado com consumo de dados, não assista filmes e vídeos ou ouça músicas em aplicativos de streaming, pois eles consomem sua franquia de internet rapidamente. Caso precise muito usar algum desses apps, diminua a qualidade da imagem ou do áudio. No YouTube, escolha opções de reprodução baixa qualidade, como 360p ou 240p. No Netflix, clique em “Uso de Dados da Rede Celular” e selecione o modo baixo. No Spotify, selecione automático ou normal em “qualidade de transmissão”. Outra alternativa é fazer download do conteúdo.

SNAPCHAT

A rede social que promete apagar as mensagens e fotos trocadas pelos usuários instantaneamente é um dos aplicativos que mais drenam bateria enquanto estão abertos.

TWITTER

O Twitter também fornece um recurso para aqueles que querem usar a rede sem gastar muito da franquia de dados. É possível desativar o carregamento de imagens, a reprodução de vídeos e selecionar a qualidade de reprodução. Basta ir em Configurações, depois em “Configurações e privacidade” e entrar na aba “Uso de dados”.

ARQUIVOS OFFLINE

Aplicativos de armazenamento também possuem funções de download de conteúdo, para permitir o acesso aos documentos mesmo fora da internet. No Dropbox, basta localizar a pasta que você quer baixar, clicar nas reticências e fazer o download. No Google Drive, é só abrir o menu do arquivo e ativar o ícone de “disponível off-line”.

MAPAS

Uma grande dificuldade daqueles que possuem planos limitados de internet móvel é utilizar aplicativos de localização. Alguns, como o Google Maps, permitem salvar mapas para acessá-los em modo offline. Para isso, entre nas configurações do aplicativo, vá na seção “áreas offline” e pesquise os locais que você precisará visitar quando estiver desconectado

Fonte: Estadão

Compartilhe

  • Temas

  • games
  • sustentabilidade
  • economia circular
  • e-lixo
  • esl
  • e-sport
  • drones
  • drone zone
  • cosplay
  • cosplaybr
  • mirante lab
  • arena do conhecimento
  • editora abril
  • palestra
  • influenciadores
  • youtube
  • greenktechshow
  • bienaldoibirapuera
  • musica
  • video
  • hit
  • desafio
  • beyou
  • terror
  • Cineclick
  • O Iluminado
  • A Autópsia
  • Os Outros
  • Silent Hill

Comente

“Greenk informa que não modera e tampouco apaga comentários, seja no site ou nos perfis de redes sociais. No site, quando o usuário ler a indicação Este comentário foi apagado’ significa que o próprio comentarista deletou o comentário postado. Não faz parte da política de Greenk gerenciar comentários, seja para interagir, moderar ou apagar eventuais postagens do leitor. Exceções serão aplicadas a comentários que contenham palavrões e ofensas pessoais. O conteúdo de cada comentário é de única e exclusiva responsabilidade civil e penal do cadastrado.”